Saúde da Mulher – Campanha de prevenção do câncer de mama e do colo de útero

Em Outubro surgem várias campanhas de combate ao câncer de mama e aqui na Samp não deixaremos de abordar a importância da prevenção do câncer de mama, porém, esse ano também abordaremos a importância da prevenção contra o câncer de colo de útero.

Confira nossas dicas:

1

No Brasil, o câncer de mama é uma das causas de morte mais comuns entre as mulheres de 35-54 anos. Embora menos comum, também pode atingir os homens, especialmente depois dos 50 anos.

Principais fatores de risco câncer de mama

 

Autoexame das mamas

 

O autoexame pode ser feito uma vez por mês. A melhor época é logo após a menstruação. Para as mulheres que não menstruam, pode ser feito num mesmo dia de cada mês. Durante o toque é importante procurar: deformações ou alterações no formato das mamas, abaulamentos ou retrações, ferida ao redor do mamilo, caroços nas mamas ou axilas e secreções pelos mamilos. E lembre-se, esses sinais, se encontrados, não significam que você esta com câncer, mas são sinais que devem fazer você ir logo ao seu mastologista/ ginecologista.

Quando e quem deve fazer mamografia?

Mulheres com casos na família como tia, irmã ou mãe: a partir dos 35 anos de idade.

Mulheres que não possuem histórico familiar, a partir dos 40 anos de idade.

Mulheres portadoras de próteses de silicone existe uma técnica especial para realizar a mamografia, portanto podem e devem fazer o exame.

 

 

 

Câncer de colo de útero

O câncer de colo de útero é um tumor maligno na parte inferior do útero pode ser prevenido por exames de Papanicolau e vacina contra HPV.

Principais fatores de risco câncer colo de útero

• Exame de Papanicolau

O exame  é usado para rastreamento do câncer de colo do útero. Basicamente diagnostica alterações nas células que podem vir a causar a doença. É realizado durante o exame ginecológico e deve ser feito anualmente. 

• Vacina

Pode ser tomada por homens e mulheres entre 9 e 26 anos que ainda não tenham iniciado a sua vida sexual ou que ainda não entraram em contato com o vírus – os que não são virgens também podem tomar a vacina, mas a sua eficácia pode estar diminuída, pois já podem terem estado em contato com o vírus.

Pode ser  encontrada no SUS para meninas entre 9 e 13 anos de idade e em clínicas particulares para meninas com 14 anos ou mais, assim como os homens até 26 anos de idade.

USE CAMISINHA EM TODAS AS RELAÇÕES SEXUAIS

Medicina Preventiva Samp

Mudança de hábitos e estilo de vida podem salvar vidas. Atitudes simples no dia a dia podem ser tomadas como maneiras eficientes de prevenção.

Fonte: Oncoguia